Postagens

Brazilian President against lockdown.

Brazilian President Jair Bolsonaro Says Lockdown Is Communist Plot To Enslave The People https://tinyurl.com/ybz8lscu
Sonia von Homrich

500 dias. Quatro Ministros

Históricas falas dos Ministros principalmente a do Paulo Guedes

https://youtu.be/yJwPf2wuO2E

Nise Yamaguchi Ética e Verdade.

Entrevista de Nise Yamaguchi a Oswaldo Eustáquio
Com 40 anos de experiência na área médica, uma das referências mundiais em oncologia, Nise Yamaguchi tem a senha para diminuir as mortes precoces no Brasil. Para ela, o uso do medicamento defendido por Bolsonaro a partir do segundo dia de sintomas, pode salvar 99% dos pacientes. Não há tempo a perder. A vida desses brasileiros precisa ser salva.
https://youtu.be/wkjlOMVI9hk

Todos somos responsáveis pela nossa liberdade. Sonia von Homrich

Todos somos responsáveis pela nossa liberdade

Não temos uma verdadeira proteção jurídica contra a guerra que nos destrói no dia a dia. Nossa frágil democracia é abusada diariamente por decisões judiciais contrárias à nossa constituição e favoráveis ao caos social. Está mais que claro, é obvio ululante que a quarentena que jamais foi utilizada para outras doenças que matam muito mais que o coronavírus (olhem os números de anos anteriores e comparem mês a mês, deixem a mídia marrom de lado) - a quarentena é arma política e não de saúde pública e está sendo usada com eficiência pelos que são contra o desenvolvimento do Brasil à custa da VIDA, da saúde da população brasileira, já que desprezam a hidroxicloroquina + azitromicina + zinco e às custas da VIDA econômica pois um país quebrado, sem emprego, com milhares de presos soltos nas ruas é caos social na certa. A Venezuela já está aqui no Brasil como forma de vida para deleite dos lesa-pátria. Todos são responsáveis pelo caos que se forma…

Dia das Mães 2020

Imagem
Feliz Dia das Mães a todas as mães, avós e bisavós! Minha avó paterna Maria Luiza nascida Flores Xavier, e meu avô Deodoro (Emílio) Homrich. Sentado, meu pai Walter Xavier Homrich (1918-2010).


Comentários Filipe G. Martins

Fonte Tweeter, dia 5 de Maio de 2020
De Filipe G. Martins @filgmartin 1. Há alguns anos, a grande mídia era capaz de consagrar ou destruir movimentos políticos praticamente sozinha. Eram os jornalistas e seus chefes que escolhiam os políticos que seriam retratados como extremistas e os extremistas que seriam retratados como políticos razoáveis.
2. Esse poder aberrante permitia que o establishment midiático desempenhasse um papel essencialmente sacerdotal: era ele quem definia o que era certo e o que era errado; o que deveríamos amar e o que deveríamos rejeitar.
3. O braço midiático e informacional do establishment detinha, em suma, o poder de construir e destruir fidelidades em todos os níveis e esferas da sociedade — definindo assim o conteúdo e o tom do ethos e da moral dominantes em nosso país.
4. Hoje, esse poder ainda existe, mas está um tanto deteriorado. As pessoas estão aprendendo que não podem confiar na grande mídia e que, mesmo com todo o esperneio a respeito das tais fake ne…